Fitness e Dieta

A história de Priscila

Hoje é dia do nosso papo no Segundas de Dieta aqui no projeto #VacaMagra90Dias. Para hoje convidei a Pri, que é minha amiga e uma das queridas do projeto a contar um pouquinho da sua história para vocês. Com certeza vai motivar muita gente!

“Meu nome é Priscila Murlik e eu sempre fui gorda. Sempre fui, ainda sou e talvez para alguns padrões de beleza sempre vou ser (afinal, quem não ficou apavorada com a plus size da Calvin Klein, né?). Mas meu problema com o peso (esse “medo” da balança) começou desde que nasci. Sempre fui gordinha/gorda/fofa/acima do peso/plus size, como queiram. Pois então, como podem imaginar, sempre “sofri” com preconceitos, não aceitação e influências tanto da mídia quanto de pessoas próximas a mim, mostrando que ser EU era errado. Então eu passei 22 anos e alguns meses da minha vida com isso. Eu queria emagrecer, sempre quis. Sempre quis ser saudável, poder fazer algum esporte sem me cansar; ir em alguma loja e ter alguma roupa para experimentar; sentar no cinema ou avião sem roubar o lugar dos outros. E eu sabia, sempre soube, que se não fizesse algo por mim mesma, ia acabar com 300kg em alguma cama sem poder andar. E nesses anos minha mãe sempre impôs que eu comesse menos, fizesse essa dieta aqui, aquela dieta alí. Mas tinha um problema nisso tudo: Eu não queria.

Para mudarmos, temos que querer do fundo do nosso coração, pois só assim conseguimos utilizar todas as forças que temos.

Mas não estou aqui utilizando esse espaço desse blog lindo e maravilhoso para choramingar. Vim aqui para espalhar pra uma penca de gente que podemos sim mudar. VOCÊ PODE MUDAR. Você pode ser e fazer o que quiser. Eu tinha 150kg em maio de 2015. Hoje em março de 2016 já perdi 40 (em menos de 1 ano). E pasmem, meu peso ideial é 100kg! Sim, sou raínha do crossfit e futura musa do Rugby (pelo porte físico). Hahaha. E como fiz isso? Em primeiro lugar tive que fazer uma coisa: me aceitar. Sim, aceitar que era gorda, acima do peso. Após isso tive que escolher: me amar do jeito que era ou mudar. Nessas épocas de divulgação do amor próprio parece até feio dizer que queremos emagrecer, não é mesmo? Mas não. O que divulgamos (e muitas gordinhas estão fazendo e isso é LINDO) é que se amar é fundamental para sua existência. Não importa quem você seja e como você se vê, saiba que você é lindo e pode correr atrás do que quer. “Mas Pri, odeio academia” Os primeiros 30kg que perdi foi somente com alimentação, agora de uns meses pra cá que comecei a fazer exercícios. Quem me conhece sabe o QUÃO difícil pra mim é entrar em uma academia, mas só de ir aos poucos pra mim já é uma vitória. E lembrem-se: Do que adianta 1h de exercício se tu chega em casa e come uma caixa de Bis? Por isso recomendo fortemente que consultem um nutricionista, pois saibam que viver saudável pode ser mais legal do que imaginam!

Mas enfim amigos… Minha caminhada continua e conto isso no meu blog: I’m Priscila. Fiz ele com a intenção de ajudar pessoas que passaram ou passam pelo que passei. Quero agradecer a Amanda que chamou para ser uma #VacaMagra e dizer que fico MUITO honrada e FELIZ! Pra quem não sabe (vou contar aqui, azar) nos conhecemos em 2010/2 na faculdade de Letras! E me deixa MUITO feliz ver a gente hoje, ver como estamos LINDAS E MARAVILHOSAS! O tempo faz bem as pessoas, posso dar certeza disso! Hahaha
Enfim, beijo a todos!! E continuem firmes e fortes na busca de suas metas! ;)”

Sem Título-2

Impossível não se motivar com a história da Pri, não é? E vocês, como anda a sua evolução??

Amanda Ignis

Meu nome é Amanda Ignis, mas pode me chamar de Am. Sou uma sereia do Atlântico Sul. Filha de Hermes da Lufa-lufa, nasci no Distrito 4, escolhi a Audácia e caço demônios no meu tempo livre.

Posts Relacionados

16 Comentários

    1. wowowow, poxa vida!!! eu amei a matéria!! É isso mesmo, podemos ser o que quisermos. E o segredo é querer muito.
      Parabéns as duas pela linda e inspiradora postagem.
      Beijão, vou lá olhar o blog da Pri!! rsrsrsrs

    1. Oi Amanda, que bom que te achei, já te acompanho faz algum tempo, mas perdi contato do seu blog, agora te encontrei =D, ganhei meu dia. E o mais legal é ver o assunto que vc está abordando, essa questão de peso, sou uma sanfona ambulante antes de casar fiz um regime e esmagreci bastante, mas me casei, comecei a fazer trufas para vender e o meu marido é tri parceiro para comer besterias, resultado engordei horrores, mas com a função da faculdade não tinha como fazer academia, final do ano me inscrevi na academia, pois meus horários ficaram melores e estou indo quase todos os dias menos nos dias de aula que são dois, já emagreci 6kg, mas quero mais, mas como é difícil né, mas estamos na batalha não da para perder o foco!

      bjs

      1. Ah, que bom que você me achou, linda <3 Fico feliz que tenha curtido o blog, realmente não é fácil emagrecer, mas não é impossível! Hahaha. Foco, linda!!

    1. Adorei Am, é muito ver exemplos reais daquilo que a gente por muitas vezes duvida ser capaz de conseguir, daquilo que tanto queremos e deixamos o medo e a insegurança no proibir de fazer por nós mesmas. Meus mais sinceros parabens pri, como futura educadora física fico muito feliz de ver pessoas caminhando em busca de uma vida mais saudável, em busca de mudanças por que nos amamos.
      Beijão Am, adoro seu blog, como você já sabe claro haha <3

    1. Ai minha linda!

      Muito obrigada por abrir esse espaço para contar minha história! E fico mais feliz ainda de ver os comentários aqui, pois sim, acredito que a maior satisfação é poder incentivar as pessoas. Poder mostrar que é possível sim emagrecer e que todos temos essa “força de vontade” escondida dentro de nós (lembrei até de Star Wars agora hahaha).
      Mais uma vez obrigada por tudo!
      Bjs da eterna fã e amiga <3

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *




@sereianda